16 de outubro de 2012

doce sintonia



faltam-me palavras
meus olhos busca os teus
em todos os cantos...
seus olhos de encanto
que fazem da minhas manhãs
as mais belas
como o bailar das flores
em doces manhas de primavera.
ah como é doce teu olhar
perco-me em teu sorriso
numa bela sintonia
me embalo...



Gislaine P.E

In Retratos da alma

11 de julho de 2012

Gosto...





"Gosto quando estás a sós comigo....


em meus pensamentos...


em partes de mim...


onde tú me pertences"...




Gislaine P.E


In retratos da alma


azul (Blue)



(...)

Sabe, gosto de estar ao seu lado.
numa doce sintonia...
embalando-me em teus encantos
deixando nossos momentos
tons azul (Blue).



Gislaine P.E


In retratos da Alma

Mudanças (...)




Existem coisas que...
um dia foi muito importante para mim
mas, hoje resta-me lembranças
apenas lembranças...
que insiste em ficar...
 De um tempo pra cá 
decidi limpar minha vida...
dar uma faxina..
eliminar esses vestígios que não servem mais.
jogar fora tudo o que me prende.
dar espaço ao novo
abrir as portas para novos sabores.


Gislaine P.E

In retratos da alma


10 de junho de 2012

O seu amor (...)



"O seu amor colori meus dias
perfuma minh´alma"....

Gislaine P.E

In retratos da alma.



(...)









"Perdidos no toque
No lento e firme movimento.
como ondas
na suavidade do amor...."



Gislaine P.E

In retratos da alma.

1 de junho de 2012

(...) sonhos



Ela sempre gosta de olhar o céu. sentir estrelas pousarem em tuas noites, numa imensa alegria.
ela gosta de sentir o doce sabor do inverno, doces brisas. beijando-lhe.
ela gosta dos tons azul e laranja,  ao ver o pôr do sol.
Plantando e colhendo  sonhos.
em um universo somente teu.
ela doce menina, gosta de sonhar...



Gislaine P.E

In retratos da Alma


24 de maio de 2012

(...)



"É preciso cortar aquilo que aos poucos nos faz mal, eliminar momentos, pessoas, situações que aos poucos, envenena a alma, o coração. é momento de limpar aqueles vestígios que insiste em ficar simplesmente por ainda acharmos que é importante... Olhe um pouco mais dentro de si e veja o que realmente é importante. O resto, é resto. e não tem utilidade. 

Chega de ficar em um mundo tão preto e branco! quero mais cor, mais alegria, mais poesia. em grandes doses."


Gislaine P.E


21 de maio de 2012

Teu beijo...



"Teu beijo é mistura de sabores
doçura de sentir"...



Gislaine P.E

(In retratos da alma)


1 de maio de 2012

Seguir...



Não importa o dia, mês ou ano.
sempre seguirei...
traçarei um mapa 
uma rota...
um destino...
ou irei há lugar nenhum.
pode ser verão...
outono...
inverno...
em qualquer estação, época
mas,sempre em mim haverá essa fome
essa sede...
em poder me encontrar
em poder aprender...
sempre seguirei
por caminhos longos
estreitos....
Não importa o trajeto
muito menos o tempo
para mim o importante é a direção.
gosto de seguir o vento
o meu coração...
colhendo lembranças e lições.
saboreando a felicidade
nos pequenos detalhes.




Gislaine P.E

In retratos da alma

Falta-me ...



Sinto-me que falta algo
um beijo...
um abraço apertado...
mesmo assim ainda há um vazio
que só você pode completar.



Gislaine P.E


In retratos da alma

vazio




A casa vazia...
paredes sem cor
sem som...
o silêncio paira 
em uma atmosfera fria
solidão  que me  assombras
são noites vazias
saudades...
tormenta...
assim tão escuro
tão vazio...
meu coração...
sem o teu amor.


Gislaine P.E

In retratos da alma


29 de abril de 2012

teu abraço...



És meu porto e aconchego
teus braços
em teu abraço...
sinto-me leve
crio asas...
de liberdade
de sonhos
de amor...


Gislaine P.E

In retratos da alma


24 de abril de 2012

(....)



"Gosto da forma em que invades meu pensamento, 
pois sei que és sincero e bom de sentir, 
um doce sorriso surge...
fazendo assim meus dias criarem cores, 
tons azul céu a invadir minha vida.
numa perfeita sintonia."


Gislaine P.E


In retratos da alma

tão bom seria...




tão bom seria te-lo aqui ao meu lado
compartilhando momentos
sorrisos...
tão bom seria envolver-me em teus braços
aquecendo-me com teu amor.


Gislaine P.E

In retratos da alma


(...)





"estou me despindo de tudo...
que me prende...
que me impede...
que não me faz bem".


Gislaine P.E 


In retratos da alma 



Asas




"num simples gesto
abrirei minhas asas 
e voarei
viajarei noutra dimensão
cultivarei sonhos
pousarei na leveza
de meu interior."



Gislaine P.E

In retratos da alma.



tornas-te eterno




O teu delicado perfume 
suave e lentamente invade a noite....
impregna-se em meu corpo...
tornas-te eterno em mim,
teu olhar tão doce...
perpetuaste em minh´alma
teu sorriso...
o aconchego de seus braços,
tornas-te eterno em mim...
deixas-te em meu corpo 
um doce desejo...
e o amargo sabor de tua ausência.


Gislaine P.E

In retratos da alma 

18 de abril de 2012

(...)




"a vida me deu as peças
resta-me montar o quebra cabeça
organizar cada peça....
e completar.



Gislaine P.E


In retratos da alma

permita-me




quero desvendar os teus segredos
o teu olhar
quero encaixar-me em teus braços
em teu abraço...
permita-me entrar ?
permita abrigar-me em ti ?


Gislaine P.E

In retratos da alma.


Encontros



Chegas-te ocupando
partes de mim....
envolvendo-me em teus encantos
e depois partiste
deixando-me lembranças
são encontros...
são partidas...
que a vida encaixa
que a vida escreve.



Gislaine P.E


In retratos da alma

em tardes outonais (...)




gosto do sabor do outono
a minha casa invadir...
olhar  o pôr do sol
sentada na varanda
a paisagem cria novos tons
uma divina arte
composta pela natureza
em tarde outonais.



Gislaine P.E

In retratos da alma

Meu Coração Seguirá Em Frente




guardo-te dentro de mim
unidos em nossas lembranças
sinto-lhe aqui
tão perto...
entrelaçados
num laço de amor
que durará...
cruzando os horizontes 
de nossos sonhos e desejos
sempre estarás aqui
tão perto...
na suavidade 
das brisas noturnas
posso sentir
o teu sabor...
esse sentimento nos tocou.
meu coração seguirá em frente
perto ou longe
sempre estaremos unidos
pelo amor.


Gislaine P.E


In retratos da alma

10 de abril de 2012

...


"Doce mesmo é poder senti-lo.
mesmo que longe, 
é como se fosse um beijo seu me acariciando,  
embalada na saudade e lembranças tuas."



Gislaine P.E

In retratos da alma

(...)



"quero colher a felicidade, 
formar um lindo buquê
 para poder entregar um pouquinho dessa doce essência a você."



Gislaine P.E

In retratos da alma



(...)




"O vento que suavemente brinca com meus cabelos, 
lentamente me acaricia...
num beijo suave, 
trazendo lembranças tuas."


Gislaine P.E

In retratos da alma

3 de abril de 2012

Gosto...




gosto de te provocar
jogo intenso
sensualmente
aos pouco...
perigosamente
ousadamente...
até sua pele se arrepiar
até se entregar
nesses sentires
e amar.


Gislaine P.E

In retratos da alma


21 de março de 2012

(...)



"A porta estará aberta
caso em meu coração queira entrar  novamente"

Gislaine P.E


In retratos da alma

(...)



"Os dias passam
e assim vou caminhando
vou colhendo lembranças
e deixando saudades
caso queria me encontrar 
siga os rastos
na trilha em que minha saudade deixou."

Gislaine P.E

In retratos da Alma



O ceú





Inicio de inverno
noites geladas
céu coberto por estrelas
são belas vê-las
lembranças suas invadem a mente
saudades...
que chega
e não quer partir


Gislaine P.E

In retratos da alma


Detalhes ...



"pequenos detalhes que me trouxeram sorrisos
 hoje lembranças de momentos
hoje detalhes são saudades
guardadas no peito."



Gislaine P.E

In retratos da Alma



Apenas um beijo




Sinto o pulsar de nossos corações
quando ao seu lado estou 
num ritmo mágico
sinto a batida
mais forte
nossos olhos se encontram
mas as vezes me perco...
nesse amor que nos embala
Num beijo
Apenas um beijo
teus lábios ao encontro do meu
doce sintonia
fazendo-me flutuar
sonhar 
querer....
AMAR.


Gislaine P.E


In retratos da Alma


19 de março de 2012

(...)






" Não podemos esquecer o passado,
pois ele caminha conosco...
mais podemos,fazer do nosso passado lições para seguirmos
 e construímos um novo futuro..."

Gislaine P.E


In retratos da alma






Gravado...









"Você está em meus versos...
meus pensamentos,
em minha respiração...
Quando respiro,expiro...
você está nas linhas e entrelinhas
das minhas poesias...
Juro que já tentei mas não consigo,
tira-lo da minha vida...
pois minha mente e meu coração
sussurra apenas você."


Gislaine P.E


In retratos da Alma
 

(...)





"Chega! 
cansei de colher pedaços, metades
não quero migalhas, ou é tudo ou nada.
não vivo de metades.
 gosto do ousado....
do que completa.
inteiramente atrevido."


Gislaine P.E


In retratos da alma


12 de março de 2012

sabores intensos (...)




"Sabe, aquelas manhãs doces em que somos abraçados pelo desejo de viver, ser feliz. 
sabores intensos, que toca-me , 
é como a suavidade das brisas matutinas.
 Um beijo suave tocando o rosto....
como o caminhar nas tardes de outonos, 
ai vem aquele sorriso, simples feliz. 
de poder agarrar gostosuras que me toca,domina minh'alma, 
no intenso desejo de ser feliz."



Gislaine P.E

In retratos da alma

7 de março de 2012

(...)




"Quero o sabor das manhãs de outono
quero o belo, o belo!
saboreando felicidade
mastigando alegrias
vou ser feliz, sem data de chegada!"



Gislaine P.E

In retratos da alma.

Cristal...




O coração é um lugar frágil
que exige cuidados
como uma peça de cristal
pois pode cair 
e em pedaços se espalhar
o difícil é juntar os cacos
para ter seu formato...
e novamente, voltar a amar.


Gislaine P.E

In retratos da alma

feridas (...)



(In desabafos)

"Cada vez que essa história insiste em voltar, 
é como um coração que um dia foi muito ferido...
como a casca que protege a ferida, 
abrindo-se em mim novamente. 
não quero esse passado...
esse coração partido e ferido."


Gislaine P.E

In retratos da alma

1 de março de 2012

...



"Seja ousada e atrevida quando a questão é viver e ser feliz."



Gislaine P.E

In retratos da alma

Desejo-lhe




Que o sol invada seu quarto, a greta da janela, iluminando sua vida...
que seus caminhos sejam regados, pelo amor e felicidade.
que seus passos seja iluminados, e fortalecidos 
por aquele que te ama acima de tudo
o Divino...
quero, que a beleza e energia do universo possa tocar sua alma
a vida é uma caixinha de surpresa
por tanto aproveite cada instante
saboreie aquilo que mais te faz bem
regue sua vida com todo amor e ternura
deixe a felicidade entrar 
quando em sua porta bater
não abra mão de sonhar
sonhe....flutue...entregue-se
seja um tanto ousada
e agarre com toda a força 
a felicidade
a beleza de viver
o inverno pode ser rigoroso
mais saiba que as rosas se guardam nesse período
para poder florir em cada primavera.




Gislaine P.E


In retratos da alma.


29 de fevereiro de 2012

In segredos




" Aprenda a descobrir quem é por dentro 

e saberás o segredo de fora"


Gislaine P.E

In retratos da alma



(...)




"O amanhã será melhor 
deixando para trás 
tudo que um dia me prendeu
decepcionou...
e não tem mais valor
com a mala pronta
irei partir....
em busca de saborear 
a felicidade."



Gislaine P.E

In retratos da alma


O que escrevo



Deixo a poesia florir em minh'alma
espalhadas por palavras caladas, por gestos...
 o que digo e sinto
gravados dentro de mim
são sentimentos 
que deslizam num 
verso.
e se espalha em minha atmosfera.



Gislaine P.E 

In retratos da alma



22 de fevereiro de 2012

Estações...





sou a última folha a cair no outono
gosto de me refugiar
nas manhas de inverno
faço e refaço.
sou.....
Como as flores da primavera
sou essência
beleza...
tem dias que sou frágil
porém sou forte
pois sempre me revigoro
limpando cicatrizes de outros temporais
sou a energia
das manhãs de sol
o sabor do verão.
como estações
vou mudando
inovando
transformando-me
buscando essências.



Gislaine P.E

In retratos da alma

(...) Primavera




"jogar fora tudo que me prendes
soprar para bem longe, toda a tristeza e passado
preciso renovar 
permitir que a primavera de minh'alma 
possa florir novamente."




Gislaine P.E

In retratos da alma


(...)



‎" O silêncio tem sido meu refugio, 
mas o tempo insiste em trazer vestígios do que necessito esquecer. 
Sem luz, sem luz...
minha mente estás no escuro
a ferida quer abrir novamente, que  essa  tempestade acabe."



Gislaine P.E


In retratos da alma

...




"Quando tento revirar minhas páginas e reescreve-las
vem seu amor e muda todo o escrito."



Gislaine P.E


In retratos da alma






7 de fevereiro de 2012

Sentimentos expostos










Há muito tempo joguei no baú, alguns retalhos de mim.
Sabe o passado sempre vai seguir meus passos, não tem como arrancar e jogar longe.
Isso sempre vai atormentar minha mente, meu coração. Mas preferi guardar esses retalhos numa caixinha e tranca-la. Não estou aqui para agradar os olhos de ninguém, não busco verdades, um mundo em que mais há perguntas do que respostas. Estou em um universo em que metade usam mascaras, para esconder sua real face, e mostrar outra personalidade. Antes de mais nada sou um ser como todos, possuo sonhos e projetos inacabáveis. Numa manhã qualquer gosto de sentir, um pouco da felicidade que me cercas, mas também sou assombrada pelos dias ruins. A solidão já saboreei diversas vezes. Um sabor um tanto amargo, mas que já foi minha melhor companhia. Já senti o pulsar do coração, quando um alguém te faz ter os melhores sentimentos, um calafrio, o arrepiar da pele. Simplesmente por ter esse alguém ao seu lado. Já amei e me entreguei de corpo, coração e alma, por esse amor. Já derramei lágrimas por sentir um vazio no peito. Pessoas veem apenas para deixar, sua marca. Mas, depois partem, voam para o alto, para longe. Muitos já devem ter passado por isso, muitos já devem ter feito alguém passar. O tempo ele pode ser cura, mas só pode ser escritos por nós, esperar sem nada fazer, de mãos atadas simplesmente não moverá o universo de seus desejos a você. Já usei das palavras como arma ferindo outro alguém. Já fui vitima. 
O sorriso esse já colhi diversas vezes, já plantei e espalhei pelos meus caminhos. É gostoso acordar e sentir a felicidade dominar você. Ainda tenho muitos caminhos a seguir, irei surgir na vida muitos, irei partir da vida de outros, irei sorrir, chorar, sentir raiva, medo um infinito de sentimentos expostos e ocultos. Mas sempre guardando retalhos de mim, fazendo-me abrir ao novo sempre.





Gislaine P.E


In retratos da alma